Conheça os principais fatores de risco para doenças cardíacas


É considerada doença cardíaca qualquer disfunção que impeça o coração de funcionar normalmente. Segundo a Organização Mundial da Saúde, as doenças cardiovasculares são as que mais matam no mundo, de acordo com matéria veiculada no Jornal Hoje.

Apesar das constantes campanhas de conscientização, muitas pessoas ainda cuidam da saúde como deveriam. Para contribuir com a qualidade de vida e prevenção de doenças, separamos os principais fatores de risco para doenças cardíacas.

Confira a seguir!

fatores-de-risco-para-doencas-cardiacas

Tabagismo

Com uma alta quantidade de substâncias tóxicas, o cigarro causa vasoconstrição (estreitamento de veias e artérias) e, consequentemente, o aumento da frequência cardíaca, aumentando as chances de um infarto, por exemplo.

Obesidade

A obesidade gera acúmulo de gordura nas veias e artérias, dificultando a passagem do sangue e transporte de oxigênio e outros nutrientes. Além disso, o coração precisa se esforçar mais para bombear sangue para os órgãos, o que pode causar uma sobrecarga e gerar algum problema mais grave.

Má alimentação

Não manter uma alimentação saudável também é um dos fatores de risco para doenças cardíacas. O consumo excessivo de sal e gorduras aliado à falta de frutas e verduras são questões preocupantes na saúde de um paciente.

Sedentarismo

Um estilo de vida sedentário aumenta muito as chances de uma pessoa desenvolver doenças cardíacas. A prática regular de exercícios físicos contribui para fortalecer os músculos e o sistema imunológico, além de ter relação com a perda de peso. Assim, o coração fica protegido e pode exercer sua função normalmente.

Os pacientes que apresentam um quadro de hipertensão e/ou colesterol alto também precisam ficar atentos, pois esses problemas dificultam o trabalho do coração e podem ser considerados fatores de risco para doenças cardíacas.

hipertensão

Entre em contato

Solicite uma demonstração ou deixe sua mensagem

Ficou com dúvida sobre o Previva?