Como a medicina preventiva pode aumentar o IDSS da sua operadora

Cada vez mais, o Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS) tem se firmado como um indicador de grande importância para posicionar uma operadora de saúde no mercado.

Além de ser utilizado como referência para a escolha – e muitas vezes para a troca – do plano ou seguro de saúde pelos clientes, ele também tem grande peso na definição de algumas licitações públicas.

Por isso, buscar maneiras de aumentar o IDSS torna-se uma estratégia fundamental para o bom desempenho da sua operadora.

como aumentar o IDSS da sua operadora

Calculado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), no âmbito de seu Programa de Qualificação de Operadoras, o IDSS é uma avaliação retroativa, ou seja, se refere sempre ao ano anterior ao da divulgação. Portanto, os resultados apresentados em 2018 são relativos à avaliação do ano-base 2017.

O índice varia de 0 a 1 e cada operadora recebe uma nota que vai enquadrá-la em uma faixa de avaliação por ordem crescente de desempenho.

As quatro dimensões de avaliação

O cálculo do IDSS baseia-se em indicadores definidos pela ANS e agregados em quatro dimensões:

Qualidade em atenção à saúde (IDQS): avalia o conjunto de ações que contribuem para o atendimento das necessidades de saúde dos beneficiários, com ênfase na promoção, prevenção e assistência à saúde;

Garantia de acesso (IDGA): verifica as condições relacionadas à rede assistencial que possibilitam a garantia de acesso, abrangendo a oferta de rede de prestadores;

Sustentabilidade no mercado (IDSM): monitora a sustentabilidade da operadora, considerando seu equilíbrio econômico-financeiro, passando pela satisfação do beneficiário e pelo compromisso com prestadores;

Gestão de processos e regulação (IDGR): entre outros indicadores, esta dimensão afere o cumprimento das obrigações técnicas e cadastrais das operadoras junto à ANS.

Com as mudanças no cálculo do índice geral, que entraram em vigor a partir de janeiro de 2018, as três primeiras dimensões correspondem a 90% da nota final (cada uma com peso de 30%), enquanto a última dimensão tem peso de 10% no cálculo do IDSS.

Ideias de ações para aumentar o IDSS

Dentro da dimensão Qualidade em atenção à saúde, os programas de medicina preventiva e promoção à saúde podem contribuir de forma decisiva para aumentar o IDSS de uma operadora. É importante ressaltar que os programas cadastrados – e não apenas inscritos – na agência, ganham bônus em pontuação no IDSS e os dados de programas e operadoras são divulgados pela ANS em seu site.

Entre as ações que podem ser feitas para qualificar um programa de medicina preventiva estão tarefa diárias como ligar para os beneficiários lembrando-os de realizarem exames preventivos. Por mais que pareçam simples, atitudes como essa demonstram preocupação com a saúde do cliente e aumentam sua satisfação com o serviço contratado.

Neste caso, a ação pode influenciar tanto a dimensão ligada à atenção à saúde quanto a dimensão de Sustentabilidade no mercado, que possui um indicador para medir o nível de satisfação do beneficiário. A realização de exames com frequência facilita a descoberta precoce de doenças, o que diminui o número de pacientes em emergências, melhorando a qualidade do serviço prestado.

O agendamento planejado de exames preventivos também contribui para aumentar a satisfação dos clientes, pois proporciona às operadoras a oportunidade de organizar melhor as demandas dos médicos e da recepção, o que evita atrasos e melhora o atendimento. Utilizando um sistema especializado em gestão de medicina preventiva, os gestores podem distribuir facilmente os exames pelas unidades existentes para não sobrecarregar uma equipe enquanto outra está ociosa.

As ações de promoção à saúde também afetam o desempenho econômico-financeiro de uma operadora na medida em que promovem uma redução nos custos com internações e tratamentos mais complexos. Investir na medicina preventiva pode representar um custo inicial, mas a longo prazo proporcionam uma economia real para a operadora, além de mais qualidade de vida para os beneficiários.

Com as ações de medicina preventiva feitas de forma combinada, as operadoras de saúde irão melhorar todos os aspectos avaliados pela ANS. Outros fatores também são otimizados, como equipe mais produtiva e aumento no faturamento com mais clientes migrando para a operadora.

Confira aqui todos os detalhes sobre o método utilizado pela ANS para calcular o IDSS.

Entre em contato

Solicite uma demonstração ou deixe sua mensagem

Ficou com dúvida sobre o Previva?